Tecnologia e Manejo

10/02

Raça Bonsmara

Raça Bonsmara

 

O Bonsmara foi cientificamente criado e estritamente selecionado para criação extensiva em pasto variados da África do Sul, e se tornou tão popular que hoje é a raça de corte mais encontrada na África do Sul, após vinte anos de seleção. Durante anos anteriores a segunda guerra mundial já se sentia a necessidade de uma raça de corte que fosse realmente produtiva e que não sofresse com o calor africano mais especificamente nas regiões da província de Natal (comparadas ao Brasil podemos dizer que são similares a região centro-oeste).

Mesmo que rústico e capaz de agüentar o calor e os parasitas da região, o gado que eles tinham, o africadner não era um bom produtor de carne e atingia maturidade sexual tardiamente não sendo considerada de boa maternidade. Os animais europeus de raça de corte disponíveis na época não conseguiam se adaptar ao meio local com sucesso, pois sofriam muito com doenças causadas por ecto e endoparasitas provindos da região. Com base na situação encontrada veio a idia de produzir uma raça eficiente e que suportasse as dificuldades encontradas no local.

Origem

O departamento de Agricultura decidiu testar a performance de varias cruzas locais entre gado europeu local em suas fazendas experimentais de Mara e Messina. Os touros de cinco raças européias foram usados em vacas africânder e a sua progênie e performance testadas. Depois do teste decidiu continuar somente coma melhores cruzas de hereford e shothom. Por fim animais ¾ africânder foram cruzados para obter um animal 5/8 africander e 3/8 hereford e shorthom.

Os primeiros resultados já foram satisfatórios, sob condições de manejo na estação de Mara, melhorando o peso a desmama, peso final e a porcentagem de nascimentos nas vacas cruzadas. Através de seleção rígida de animais reprodutores um rápido progresso foi alcançado em vinte anos, obtendo animais com melhores performances do que as demais raças da região.

O nome bonsmara e derivado de "bosma" professor de zootecnia que realizou todo trabalho de desenvolvimento da raça e "Mara" da fazenda experimental onde foram realizados os cruzamentos. Mais e mais criadores impressionados com os resultados obtidos passaram a criar a raça que hoje representa 45% dos animais de corte e leite encontrados na África do Sul.

Padrão racial

O bosnmara é um gado rústico que apresenta pelagem marrom avermelhada, pelos curtos e lisos, grosseiramente pigmentado. Musculatura muito bem distribuída, bom arqueamento de costelas, boa profundidade, comprimento de garupa proporcional e músculos muito compridos. Linha de dorço-lombo reta, um cupim arredondado a frente da inserção da paleta.

Cruzamentos

A raça bonsmara pode ser usada com eficiência nos cruzamentos com matrizes zebuínas, principalmente nelore e tabapuã, produzindo animais F1 pesados com boa precocidade. O bonsmara é muito bom em cruzamentos devido sua adaptabilidade a regiões quente e a sua resistência a parasitas.

É uma opção para quem deseja um cruzamento industrial com matrizes zebuínas buscando animais produtivos a campo e com bom peso final chegando a 800 kg em animais adultos. As fêmeas na F1 apresentam boa habilidade materna sendo boas produtoras de leite, desmamando bezerros pesados e muito férteis apresentando bom intervalo entre partos.

 

Fonte: NEPEC - Carlos Alexandre J. Vieira



Publicidade