Tecnologia e Manejo

31/10

Leite: aplicativo gratuito ajuda a gerenciar a produção

Leite: aplicativo gratuito ajuda a gerenciar a produção

 

Um aplicativo de celular voltado para a gestão de fazendas leiteiras está ajudando pecuaristas a conseguir bons resultados mesmo em tempos de mercado em crise. Criado há dois anos, o 4milk funciona também offline e pode ser baixado gratuitamente.

 

A ferramenta é focada na pecuária de leite e permite gerir a parte produtiva e sanitária do rebanho. “O aplicativo pode realizar o controle leiteiro dos animais, montando uma ‘ordenha virtual’, por assim dizer. E tem o cadastro de medicamentos que ele aplica. São muitas funcionalidades”, diz a sócia-proprietária do 4milk, Ana Júlia Moreira. Ela afirma que, para auxiliar o produtor a utilizar a ferramenta, há tutoriais, vídeos e assistência pelo WhatsApp.

 

Ligado em novas tecnologias e usuário muito ativo de celular, o produtor rural Daniel Silvano instalou o aplicativo para organizar sua propriedade. Ele considera a ferramenta importante porque permite acessar todos os dados da produção onde quer que esteja e no momento que desejar.

 

Produtores de leite com perfil menos “tecnológico” que o de Silvano também podem se beneficiar com o uso do aplicativo. Muitos pecuaristas ainda desconhecem os verdadeiros custos da atividade, diz o presidente da Emater-DF, José Guilherme Leal. “A gente discute muito o preço, mas e o custo de produção? Qual é a rentabilidade? Qual é a margem interessante para o produtor? Essa parte, que a gente vê em outras cadeias produtivas do setor agropecuário brasileiro, precisa ser internalizada na pecuária leiteira", afirma.

 

Com o mercado em crise, a ferramenta eletrônica pode ajudar a cortar gastos e recuperar o faturamento. “O produtor rural está trabalhando no empate. Então os que não estiverem numa gestão bem feita, no que os aplicativos podem ajudar, não vão dar conta de pagar a conta do leite hoje", afirma.

 

O 4milk pode ser baixado sem custos nas lojas de aplicativos App Store e Google Play.

 

Fonte: Canal Rural



Publicidade