Tecnologia e Manejo

21/03

Georreferenciamento de Propriedades Rurais através do PGA ( Plataforma de Gestão Agropecuária )

Georreferenciamento de Propriedades Rurais através do PGA ( Plataforma de Gestão Agropecuária )

 

Representantes da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA) e Instituto de Colonização e Reforma Agrária (INCRA) vão buscar mecanismos que permitam ao produtor rural fazer o georreferenciamento de suas propriedades a partir da inserção de dados na Plataforma de Gestão Agropecuária (PGA). Atualmente a PGA, desenvolvida em parceria pela CNA com o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), reúne informações sobre o rebanho bovino. A ampliação do sistema permitirá a inclusão dos dados do georreferenciamento das propriedades rurais.

O georreferenciamento é exigido nos processos de transferência, doação, desmembramento e remembramento dos imóveis rurais. O assunto foi debatido pela presidente da CNA, senadora Kátia Abreu, com o ministro Pepe Vargas, do MDA, e o presidente do INCRA, Carlos Mario Guedes de Guedes.

Na reunião, a senadora também pediu a parceria do MDA para um projeto que será desenvolvido pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR) para a qualificação dos produtores de leite de todo o País. O projeto prevê, ainda, a ampliação das ações de extensão rural como forma de aumentar a competitividade do setor leiteiro, garantindo o crescimento da produção.

A senadora Kátia Abreu também apresentou ao ministro e ao presidente do INCRA o resultado de um estudo feito pela CNA que deu origem ao Índice de Vulnerabilidade em Transporte (IVT). O índice é calculado a partir de uma série de indicadores, entre eles o acesso rodoviário, o nível de chuvas e o Valor Bruto da Produção (VBP). De acordo com a presidente da CNA, o índice poderá auxiliar o Governo federal no processo de adoção e direcionamento das políticas públicas.

Fonte: Canal do Produtor



Publicidade