Tecnologia e Manejo

17/08

17/08 - Alertas de Mercado: Algodão, Arroz, Boi, Café e Suínos

17/08 - Alertas de Mercado: Algodão, Arroz, Boi, Café e Suínos

 

Algodão

 

O Indicador CEPEA/ESALQ do algodão em pluma para pagamento em 8 dias fechou a R$ 2,4416/lp nessa terça-feira-feira, 15, exatamente o mesmo valor da terça anterior, 8. O cenário de estabilidade está atrelado à retração de vendedores, que estão focados na entrega da pluma já contratada.

 

Além disso, segundo colaboradores do Cepea, a ocorrência de chuvas no último final de semana em algumas regiões de Mato Grosso também afastou produtores do mercado. Do lado comprador, indústrias têm trabalhado com pluma contratada e, de modo geral, buscam adquirir apenas pequenos volumes para entregas rápidas. Na sexta, 11, e na segunda, 14, os preços até chegaram a subir, mas na parcial de agosto, o Indicador registra queda de 1%, e a média parcial do mês, de R$ 2,4379/lp, é a menor desde janeiro/16.

 

Arroz

 

Após a alta dos últimos dias, os preços do arroz em casca caíram no Rio Grande do Sul. Segundo colaboradores do Cepea, produtores estiveram ativos no mercado, ofertando lotes para comercialização. Compradores, no entanto, diminuíram os valores de suas ofertas, devido à dificuldade de repasse das altas ao fardo.

 

Assim, entre 8 e 15 de agosto, o Indicador do Arroz em Casca ESALQ-SENAR/RS, 58% grãos inteiros caiu 0,27%, fechando a R$ 39,83/sc de 50 kg nessa terça-feira, 15.

 

Boi

 

As cotações da arroba do boi gordo estão em alta em todas as regiões acompanhadas pelo Cepea. Segundo pesquisadores do Cepea, as valorizações estão atreladas à participação elevada (90%) de animais engordados a pasto no abate, já que, com a intensificação da seca, praticamente não há mais animais de pasto disponíveis.

 

Além disso, a principal indústria do setor retomou as compras, e outras plantas reabriram nos últimos meses, o que dificultou o preenchimento das escalas de abate por conta do aumento da competição entre as próprias indústrias pela matéria-prima.

 

Nesse cenário, o Indicador ESALQ/BM&FBovespa do boi gordo (estado de São Paulo) subiu 3,6% entre 9 e 16 de agosto, para R$ 132,15 nessa quarta-feira, 16.

 

Café 

 

Apesar de a colheita de arábica estar na reta final, os preços da variedade têm avançado no mercado brasileiro. Segundo pesquisadores do Cepea, o impulso vem da forte retração de produtores, que estão concentrados nas entregas futuras, e da expectativa de que a safra de arábica 2017/18 seja menor que a esperada, por conta de problemas de padrão (menor peneira) e de produtividade (broca).

 

Assim, a média do Indicador CEPEA/ESALQ do arábica tipo 6 bebida dura para melhor, posto na capital paulista, na parcial de agosto (até o dia 15) é de R$ 469,60/saca de 60 kg, 3,9% maior que a de julho (R$ 451,90/sc), voltando a patamares nominais similares aos registrados em abril de 2017. Com isso, apesar da significativa retração de muitos agentes, a liquidez teve aumento pontual no mercado doméstico.

 

Mesmo com a alta da média mensal do café arábica, entre 8 e 15 de agosto, o Indicador CEPEA/ESALQ do arábica recuou 4%, fechando a R$ 459,26/sc nessa terça-feira, 15.

 

Suínos 

 

Os preços do suíno vivo e das carcaças comum e especial permaneceram praticamente estáveis nos últimos dias, interrompendo o cenário altista após vendas um pouco abaixo do esperado para o Dia dos Pais. De 9 a 16 de agosto, os preços do suíno vivo permaneceram estáveis na região SP-5 (Bragança Paulista, Campinas, Piracicaba, São Paulo e Sorocaba), a R$ 4,23/kg nessa quarta-feira, 16.

 

No mesmo período de 2016 (12 a 17 de agosto), a alta foi de 5% na praça paulista, com as cotações chegando a R$ 4,63/kg.  Nas demais regiões do País, as cotações do vivo também se estabilizaram.

 

No mercado de carne, o cenário foi similar: o preço da carcaça especial suína aumentou ligeiro 0,1% no atacado da Grande São Paulo nos últimos sete dias, praticamente estável, para R$ 6,50/kg nessa quarta, 16; já a carcaça comum teve desvalorização de 1,1% na praça paulistana, a R$ 6,06/kg no dia 16. 

 

Cepea – www.cepea.esalq.usp.br



Publicidade