Notícia

14/03

Trégua na pressão baixista no mercado do boi gordo

Trégua na pressão baixista no mercado do boi gordo

 

Após o período de carnaval, as negociações vão sendo retomadas de forma gradual e o mercado caminha de forma lenta. Aparentemente, a pressão baixista perdeu força e já é possível notar preços mais firmes em algumas regiões. Isso pode ser explicado pela dificuldade de aquisição de boiadas por parte das empresas, seja por resistência dos produtores ou até mesmo pelas condições climáticas que dificultam o transporte das boiadas onde há excesso de chuvas, caso da região de Paragominas-PA. 

Em São Paulo a referência para o boi gordo ficou estável na última quinta-feira (2/3), posicionada em R$145,00/@, à vista. Há empresas que ofertam R$1,00/@ acima do que ofertavam antes do feriado, o que mostra que a pressão baixista deu uma pequena “folga” no estado. 

Fonte: Scot Consultoria



Publicidade