Notícia

05/02

Santa Catarina: Setor produtivo defende revogação de decreto que eleva impostos

Santa Catarina: Setor produtivo defende revogação de decreto que eleva impostos

 

Representantes do Conselho das Federações Empresariais de Santa Catarina (COFEM) estiveram reunidos na  Secretaria de Desenvolvimento Sustentável (SDS), para pedir a revogação dos decretos 1867 e 1860, que aumentam o ICMS sobre uma série de produtos no estado, incluindo insumos agropecuários.

 

“Revogar esse decreto seria um ato que traria tranquilidade a Santa Catarina. Não queremos privilégios. Só não queremos perder nossa competitividade para outros estados”, destacou o presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado (FAESC), José Zeferino Pedrozo.

 

Sem a revogação, os aumentos de carga tributária oscilam de 41% a 142% e abrangem diversas mercadorias produzidas pela indústria catarinense. Ainda segundo a Organização das Cooperativas do Estado de Santa Catarina (OCESC), o custo de produção aumentará em torno de 25%, caso o decreto seja mantido e será suportado quase que totalmente pelo produtor.

 

DATAGRO 



Publicidade